Logo

CatRio.com.br

Programa de Treinamento em
Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista


Treinamento em Hemodinâmica


Programa de Treinamento em
Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista
Instituto Estadual de Cardiologia Aloysio de Castro

Treinamento

* Conheça o IECAC

CathLab

* Conheça o Serviço de
Hemodinâmica e Card. Intervencionista

Treinamento

Residência Médica

Credenciado pela Comissão Nacional de Residência Médica
Bolsas de Estudos oferecidas pelo Ministério da Educação - 4 vagas
Parecer SISCNRM 100/2011 Processo 2011/878 de 15/12/2011

No momento, recebemos estudantes apenas pela vinculação ao Programa de Residência Médica e não dispomos de vagas para pós-graduação ou estágio supervisionado. Estamos trabalhando para o credenciamento como Centro de Treinamento pela SBHCI – Sociedade Brasileira de Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista. Pretendemos oferecer no futuro, treinamento aos cardiologistas brasileiros e estrangeiros sob a forma de um curso de Pós-gradução Latu Sensu com programação semelhante à da Residência Médica. Atualmente, são candidatos ao treinamento apenas os que estão concluindo um programa de treinamento em cardiologia credenciado pela CNRM – Comissão Nacional de Residência Médica.

PROGRAMA

Na definição do escopo das atividades, bem como no balizamento do desempenho do aluno, procuramos um alinhamento entre as determinações da CNRM – Comissão Nacional de Residência Médica, da AMB – Associação Médica Brasileira, da SBC – Sociedade Brasileira de Cardiologia e da SBHCI – Sociedade Brasileira de Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista.

O período mínimo de treinamento é de 24 meses consecutivos em regime presencial de tempo integral, observando-se 30 dias anuais para férias e aprimoramento científico, com a participação em congressos e encontros de especialistas. Está prevista a formação do aluno com treinamento em serviço, visando o domínio das técnicas e conhecimentos necessários à realização de intervenções cardiovasculares. O primeiro ano consiste no treinamento em procedimentos percutâneos diagnósticos. O segundo ano inclui o treinamento em intervenções terapêuticas por via percutânea. Atividades teóricas e científicas são desenvolvidas paralelamente, sendo parte integrante e fundamental do programa. A carga horária total é de no mínimo 5.760h, com previsão de 5.520h de treinamento em serviço e no mínimo 240h de atividades teóricas e científicas, calculadas em 48 semanas por ano com regime de 60h semanais.

Durante o período de treinamento, o aluno atua como primeiro operador sob supervisão dos preceptores em pelo menos 400 procedimentos diagnósticos que incluem o cateterismo cardíaco e estudos angiográficos, além de no mínimo 120 intervenções cardiovasculares, que podem incluir intervenções coronárias e estruturais, como nas cardiopatias congênitas e nas intervenções valvares, cavitárias e vasculares extracardíacas do adulto e da criança. Além das atividades assistenciais, a parte prática subentende também a realização de trabalhos junto ao Banco de Dados e ao Banco de Imagens do serviço, que serão necessários durante o cotidiano no Laboratório de Hemodinâmica. A participação do aluno nas atividades práticas envolve a realização de cateterismos cardíacos e procedimentos angiográficos sob supervisão de preceptor qualificado nos termos das Diretrizes da SBC sobre "Qualidade Profissional e Institucional, Centro de Treinamento e Certificação Profissional em Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista" e do "Manual de orientação para Serviços de Hemodinâmica - 2012" da SBHCI.

As atividades teóricas também são definidas pelas determinações da CNRM, SBC e SBHCI, e estarão sendo revisadas anualmente. No momento, elas envolvem a participação obrigatória nas reuniões do "CatRio.com.br," que acontecem no IECAC com carga horária de 48h anuais, e no "Curso Anual de Hemodinâmica e Intervenções Percutâneas da UERJ" que acontece no Hospital Universitário Pedro Ernesto com carga horária de 55h anuais. É obrigatória a participação em pelo menos duas das seções clínicas do IECAC, preferencialmente na "Sesão Geral" que acontece às quartas-feiras e na sessão de "Casos e filmes em discussão com os clínicos", oferecida pelo Serviço de Hemodinâmica às segundas-feiras. Juntas estas sessões clínicas perfazem um total de 72 horas anuais.

À critério dos coordenadores do treinamento e ressalvando que o mesmo se dá em regime presencial de tempo integral, eventuais ausências nas atividades sugeridas deverão ser compensadas com a participação, por meios próprios, nos cursos, congressos nacionais e internacionais, e nos encontros de especialistas cadastrados na Comissão Nacional de Acreditação da AMB, com no mínimo 6h de carga horária. A participação nestes eventos externos consta também na relação das atividades exigidas pela CNRM para os PRM e será estimulada. Se espera que o aluno represente o serviço nesses eventos quando for escalado. Quanto ao revezamento entre os estudantes, sua participação dependerá da programação assistencial, científica e educacional do serviço.

Sugerimos que sempre que possível, o estudante participe da SBHCI na qualidade de sócio-aspirante, porque dentre vários outros benefícios, ela oferece acessoria ao aluno no planejamento e análise estatística de publicações médicas na especialidade; e o processo de avaliação para obtenção da Certificação Profissional prevê a publicação como autor principal, de artigo científico original sobre Cardiologia Intervencionista em revista dedicada à Cardiologia e indexada nas bases de dados internacionais, ou na Revista Brasileira de Cardiologia Intervencionista. Em sintonia com o Programa SBHCI de Certificação Profissional, o aluno é estimulado a participar das “Provas on line de Avaliação dos Residentes dos Centros de Treinamento da SBHCI.” Cartas de apresentação poderão ser providenciadas para o ingresso nas atividades societárias.

AVALIAÇÕES & CERTIFICADOS

A avaliação do aluno pelos preceptores, tanto com relação às atividades práticas quanto às teóricas, é realizada continuamente no período de treinamento, de acordo com as normas da CNRM e será detalhada em um HISTÓRICO ESCOLAR emitido junto com o CERTIFICADO DE CONCLUSÃO.

A aplicação de provas seguirá os moldes do concurso realizado pela SBHCI para obtenção do "Certificado de Atuação na Área de Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista" emitido pela AMB, SBC e SBHCI, mas será entendida como parte do treinamento e, dessas provas teóricas, teórico-práticas e práticas, nem tudo fará parte da avaliação do aluno. Entretanto, duas provas práticas estão programadas na avaliação do aluno durante o curso: a realização de um exame diagnóstico ao final do primeiro ano de treinamento; e a realização de uma intervenção ao final do curso. O volume de procedimentos realizados sob supervisão poderá ser comprovado pelos preceptores ao final do período de treinamento porque constitui um dos pré-requisitos para inscrição no referido concurso. Farão jus a essa DECLARAÇÃO os que obtiverem conceito satisfatório nessas avaliações práticas.

COORDENAÇÃO



CathLab
→ IECAC ― Instituto Estadual de
Cardiologia Aloysio de Castro
Treinamento
→ Serviço de Hemodinâmica
e Cardiologia Intervencionista

→ Referências

mobiletilt
Em dispositivos móveis este site é melhor visualizado em telas no modo paisagem.